ANDANDO NA EXCELÊNCIA

“E pareceu bem a Dario constituir sobre o reino a cento e vinte presidentes, que estivessem sobre todo o reino; e sobre eles três príncipes, dos quais Daniel era um, aos quais esses presidentes dessem conta, para que o rei não sofresse danos. Então, o mesmo Daniel se distinguiu desses príncipes e presidentes, porque nele havia um espírito excelente;e o rei pensava constituí-lo sobre todo o reino”. Daniel 6:1-3.
Deus da excelência
A criação de Deus nos revela que Ele é um Deus de excelência, pois tudo que fez foi excelente, e o mesmo princípio Ele deixou para os seus filhos, o princípio de viver em tudo a excelência. As coisas excelentes significam:


1. Tudo que é muito bom.
2. Tudo que sobressai acima de tudo.
3. Tudo que tem qualidade, primazia.
4. Tudo o que está sendo realizado no mais alto grau.

Pareceu bem ao rei constituíres pessoas para autos cargos no seu governo. Entre os três príncipes escolhidos pelo rei, havia um que tinha um espírito excelente, Daniel. Em que Daniel era excelente?

No cuidado do seu corpo e sua vida – alimentação – “Assim ele lhes atendeu o pedido, e os experimentou dez dias. E, ao fim dos dez dias, apareceram os seus semblantes melhores, e eles estavam mais gordos do que todos os jovens que comiam das iguarias reais. Pelo que o despenseiro lhes tirou as iguarias e o vinho que deviam beber, e lhes dava legumes”. Daniel 1:13-16.

No relacionamento com os seus amigos – “Responderam Sadraque, Mesaque e Abednego, e disseram ao rei: Ó Nabucodonozor, não necessitamos de te responder sobre este negócio. Eis que o nosso Deus a quem nós servimos pode nos livrar da fornalha de fogo ardente; e ele nos livrará da tua mão, ó rei. Mas se não, fica sabendo, ó rei, que não serviremos a teus deuses nem adoraremos a estátua de ouro que levantaste”. Daniel 3:16-18. Amigos que temiam a Deus como ele. Amigos que não eram negativos e fracassados, mas pessoas de propósitos e visão.
Na sua vida com Deus – “Quando Daniel soube que o edital estava assinado, entrou em sua casa, no seu quarto em cima, onde estavam abertas as janelas que davam para o lado de Jerusalém; e três vezes no dia se punha de joelhos e orava, e dava graças diante do seu Deus, como também”. Daniel 6:10.

No seu trabalho e submissão as autoridades – “Então o rei se levantou ao romper do dia, e foi com pressa à cova dos leões. E, chegando-se à cova, chamou por Daniel com voz triste; e disse o rei a Daniel: Ó Daniel, servo do Deus vivo, dar-se-ia o caso que o teu Deus, a quem tu continuamente serves, tenha podido livrar-te dos leões? Então Daniel falou ao rei: Ó rei, vive para sempre. O meu Deus enviou o seu anjo, e fechou a boca dos leões, e eles não me fizeram mal algum; porque foi achada em mim inocência diante dele; e também diante de ti, ó rei, não tenho cometido delito algum”. Daniel 6:19-22.

Na coragem de falar a verdade – “Há no teu reino um homem que tem o espírito dos deuses santos; e nos dias de teu pai se achou nele luz, e inteligência, e sabedoria, como a sabedoria dos deuses; e teu pai, o rei Nabucodonozor, sim, teu pai, ó rei, o constituiu chefe dos magos, dos encantadores porquanto se achou neste Daniel um espírito excelente, e conhecimento e entendimento para interpretar sonhos, explicar enigmas e resolver dúvidas, ao qual o rei pôs o nome de Beltessazar. Chame-se, pois, agora Daniel, e ele dará a interpretação”. Daniel – 5:11-12.

O que sucede a quem vive a excelência?
1. É invejado pelas pessoas medíocres.
2. Tornam-se alvos de fofocas e mentiras pelos medíocres.
3. Os medíocres armam armadilhas para destruir.
4. Passa por provas, mas não muda o seu caráter, não diminui seu amor e nem deixa de produzir.

O que uma pessoa excelente ganha?
1. Posições e riquezas no meio dos medíocres inimigos.
2. Livramento de todas as armadilhas e o juízo sobre os seus inimigos.
3. Poder espiritual e temporal.
4. Alargamento da sua visão.
Conclusão
Você tem sido uma pessoa excelente?
1. Com sua família?
2. Com os seus amigos?
3. Com a sua igreja?
4. Com a sua vida pessoal.
5. Com a sua vida espiritual.
6. Com as suas finanças.