FILHOS DE DEUS

A Igreja de Cristo está sendo "destraumatizada" de tantos conceitos errados que foram injetados em sua alma. O espírito de medo que ainda existe em algumas pessoas, pela ilegitimidade de não reconhecerem a sua potencialidade, está sendo quebrado e destruído para que os filhos de Deus saibam, de fato, quem são e o que podem conquistar.
A Bíblia diz, em Romanos 8:16: “O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus.” Somos filhos por um testemunho interior que afirma dentro de nós que temos essa essência em Cristo Jesus.

TAL PAI, TAL FILHO
O nosso desejo deve ser o de parecer com o Pai, já que somos filhos. Há tanta gente desejando ser parecido com outras pessoas, porque tem medo de ser quem são. Mas nós temos Alguém muito especial com quem devemos nos parecer: o Pai.

Você precisa mudar conceitos internos e externos acerca da sua vida, sua família, seu trabalho, seu ministério, sua cidade. Os conceitos que vêm de dentro ou de fora que não estão em linha com o que a Palavra diz sobre você não servem para ser absorvidos (I Tessalonicenses 5:21).

É verdade que alguns desses conceitos até podem melhorar a autoestima, mudar alguns contextos, históricos, mas o que fará mesmo a diferença é ter o entendimento de quem somos por dentro. Dentro de nós há a essência de filhos de Deus. O Espírito testifica isso dentro de nós. E isso deve mudar todo nosso nível de percepção. Há filhos de Deus que não estão vivendo de acordo com as promessas que eles têm direitos como filhos. Dentro deles não existe uma recepção verdadeira sobre o respaldo de que são filhos, portanto têm direito a uma herança.

SAIBA QUEM VOCÊ É DE FATO

Você é filho de Deus. Se nasceu de novo, é filho de Deus (joão 1:12). Viva a essência do Reino dentro da sua casa. É dentro de casa que denunciamos quem somos, através da nossa personalidade, maneira de falar, agir, pensar.

“Em quem também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa.”
(Efésios 1:13).

É o Espírito Santo quem imprime em nosso espírito que somos verdadeiramente filhos de Deus. Ele é o penhor da nossa salvação. Imprimir significa tipografar, trazer para dentro de nós, como se fosse um carimbo, uma marca. Quem é filho de Deus leva essa marca por onde passa. Assim também os que não são filhos levam uma marca. Caim levou uma marca que representava não ser mais do Reino. Ele não era mais filho de Deus porque se desviou do seu papel.

A Bíblia diz que todos que nascem de novo levam no espírito o sinal de que são nascidos de novo, são filhos de Deus, têm a vida de Deus para liberar sobre outras pessoas. Esse legado Deus tem para cada um de nós, precisamos tomar posse, pois somos filhos de Deus, selados pelo Espírito.

Nosso êxito como filhos de Deus, consiste em ter uma mudança de vida e nos parecer com Ele. Muitos não conseguem êxito porque dizem uma coisa, mas possuem uma natureza contrária a palavra. Quem de fato você é? Não se trata do que o mundo diz, a sociedade, as pessoas do trabalho. Você tem consciência de que você é filho de Deus? A Bíblia diz que o Espírito testifica que você é nascido de novo, tem a vida de Deus. Então, mesmo que o mundo, a sociedade, as pessoas do trabalho digam o contrário, o que vale é o que a Bíblia diz sobre você.

Quem é não precisa dizer que é, porque é. Quem não é, precisa dizer que é, porque não é. É uma confusão de identidade. Mas os que sabem que são, ainda que lhes falte testemunho exterior, sabem, interiormente, que são irremovíveis na chamada profética que Deus fez. Estes têm a voz e a palavra em linha com o discurso e com a prática.

Um dia, Jesus, o Messias, terminou o Sermão do Monte (Mateus 7:27-29) e todos se levantaram, admirados da Sua doutrina porque falava como quem tem autoridade, e não como os escribas. A autoridade de Jesus consistia no fato de que Ele vivia o que falava e falava o que vivia. Por isso, em tudo o que colocava as mãos havia êxito. Toda pessoa que fala o que vive e vive o que fala é uma pessoa de autoridade.

SER HERDEIRO DE DEUS E CO-HERDEIRO DE CRISTO

Ser herdeiro de Deus e co-herdeiro de Cristo é saber que tem direito a uma herança pela qual você não trabalhou. Alguém trabalhou por você: Jesus. O fato Dele ser o primogênito entre os irmãos, o primeiro, significa que viria o segundo, terceiro. E é aqui que nós estamos hoje. Filhos ungidos de Deus, cristãos nascidos de novo, com a essência e a vida de Cristo. Essa é a unção que está sobre nós porque Jesus conquistou entregando a Sua vida.

Jesus triunfou na Cruz para que tivéssemos direito de morar com Ele. Por Ele, podemos herdar a herança que Deus nos deu: a Vida Eterna. Jesus é a ponte vertical e horizontal para ligar o homem a Deus e Deus ao homem.

O nosso Rei não está morto, Ele está vivo, reina e achou o lugar para falar na Terra. Você é a boca de Deus na Terra, o templo do Espírito Santo para liberar a legitimidade de filho regenerado, nascido da aliança. Jesus compartilhou a herança conosco, herança que Deus entregou a Ele (Colossenses 1:13-18). Ele é Rei sobre toda a Terra.

Jesus nos dá direito a todas as bênçãos espirituais que estão preparadas nos lugares celestiais. Tome posse da bênção já. Você foi chamado por Deus para ser mais do que vencedor. Você nasceu para vencer. É filho e herdeiro. Dentro de nós há a essência de filhos de Deus.

Você é herdeiro das mesmas promessas de Abraão!

Naquele que conquistou todas as coisas,
Pr. Leonardo Alcântara



Abençoe nosso ministério!